Posts com Tag ‘aliens na terra’

Por Sundeksp para Aliens na Terra

Uma das principais fotos da ufologia mundial é essa tirada de uma câmera de alta resolução instalada na parte de baixo de um avião quando sobrevoava o Lago Cote, localizado na Costa Rica no dia 04 de setembro de 1971.

Destaque no OVNI do Lago Cote

Um grupo de quatro pessoas sendo um especialista em fotografia aérea, um geógrafo, um topógrafo e um piloto, todas trabalhando para o governo Costa-riquenho (mais…)

 

Por SundekSP em 10 de novembro de 2011 às 23:23h para Aliens na Terra

Em 2011 temos um grande aumento de imagens (fotos e vídeos) do evento G1.9STV, conhecido popularmente por PLANETA NIBIRU (nome dado ao planeta pelos Sumérios). Mas você sabe quais as teorias, as lendas e as realidades (versões oficiais) sobre esse misterioso “planeta”? Pesquisamos em diversos meios de comunicação, entrevistamos cientistas e especialistas em astronomia, tudo para tentar escrever uma reportagem que esclareça todas as dúvidas a respeito desse evento. Abra sua mente e uma boa leitura para você! (mais…)

Imagem capturada da gravação aos 19s onde mostra o possível OVNI em fuga

Por Sundeksp para Aliens na Terra

Em 15 de setembro de 1991, uma câmera de TV localizada na parte traseira do ônibus espacial Space Shuttle filmava a vista terrestre enquanto seus tripulantes faziam outros trabalhos. No meio da filmagem, um objeto não identificado apareceu um pouco abaixo do horizonte da Terra e lentamente movia-se da direita para a esquerda praticamente no centro do foco da câmera. Durante a gravação, vários outros objetos brilhantes são vistos antes e durante o aparecimento dessa luz. Mas derrepente um flash de luz foi disparado. Podemos vê-lo no canto esquerdo da tela. A tal luz mudou a sua direção e uma outro objeto luminoso retangular parece surgir vindo do nosso planeta. É como se esse ultimo objeto, guiado pelo flash, estivesse tentando atingir o alvo que provavelmente seria aquele primeiro objeto. Pouco tempo depois algumas luzes moveram-se para o local onde estava a luz que sumiu em disparada e um outro feixe de luz foi disparado. Nesse momento o câmera mudou seu foco, como se estivesse fugindo do ocorrido. As imagens eram transmitidas ao vivo para a Terra pela NASA e eles não tiveram como “esconder” esse episódio.

Obviamente surgiram explicações para os objetos como sendo cristais de gelo, partes de satélites e etc. Mas “cá entre nós… gelo, parte de satélites ou mesmo corpos celestes não possuem inteligência própria para mudar sua rota e evitar um “ataque”! Para nós essa gravação é uma das provas concretas de que algo ocorre em nossa órbita. Algo que não sabemos.

Veja o vídeo:

Fonte do vídeo: Youtube – Enviado por:  

Por Sundek para Aliens na Terra

Não podemos dizer exatamente o número de raças alienígenas que visitam ou visitaram a terra, mas existe um catálogo que leva em conta os testemunhos de pessoas que tiveram algum tipo de contato e algumas filmagens/fotografias tiradas de seres extraterrestres. Estima-se que pelo menos 50 tipos diferentes de aliens já passaram por aqui.

Abaixo segue uma lista com os principais visitantes que aqui estiveram:

 

  • Grey (Grises) - Os extraterrestres mais “populares” entre nós são os “greys”. São de estatura baixa, em torno de 1,30m. Sua cabeça, ovalada, é desproporcionalmente maior que o corpo franzino. Os olhos são pretos,enormes e oblíquos, contrastando com o reduzido tamanho da boca e do nariz (pode ser que aquilo tudo não sejam olhos mas na verdade uma lente protetora, por não suportar luz forte). Não apresentam nenhum vestígio de cabelo ou pelo de qualquer espécie. Sua pele é cinza, (daí o nome, que é cinza em inglês) os braços são longos e suas pernas são finas e curtas, bem menores que o corpo. Possuem os sistemas sexual e digestivo hipertrofiados. Eles são os responsáveis por quase todos os casos de abduções (raptos sofridos por pessoas para efetivação de experiências traumáticas) e de mutilação de gado. Com isso se tornaram a “cara” de todos os ETs. Assim como não temos uma só raça de seres humanos, não seria de se admirar que nós tivéssemos várias raças de ETs. E do mesmo jeito, temos ETs “bons”e “maus”. Os Greys, conhecidos pelos outros extraterrestres como Arcádios, Alfas ou Zeta-Reticulis são definitivamente os mais perigosos. São altamente evoluídos tecnologicamente, mas a parte espiritual não acompanhou a evolução. Então, eles não sentem o menor remorso por tais experiências. Para eles, somos apenas gado. Nos anos 80 começaram a pipocar os depoimentos de abduções nos EUA, se espalhando logo depois pelo resto do mundo. Todas as descrições que davam daquelas aparições eram de seres de cor cinza. Ultimamente temos tido muitos relatos de pessoas que viram seres com a mesma descrição física, exceto pela cor, que agora é verde-musgo. Isso pode ser uma alteração genética adaptada ao Brasil, ou mesmo de camuflagem, pois existe a teoria de que cada ser extraterrestre está intimamente adaptado ao meio que estuda. Os “greys” verdes podem ser especialistas em botânica.
    Só para finalizar, é válido salientar que alguns estudiosos acreditam que, supostamente, os Greys tenham feito alterações genéticas em nosso DNA ao longo dos milhares de anos da existência humana na Terra. Um outro aspecto de suas pesquisas parece envolver o cruzamento genético de humanos e greys, o que vem a gerar seres híbridos – “mais evoluídos” do que ambas as raças separadamente. Mas enfim, independentemente do seu (e meu) grau de ceticismo, é no mínimo curioso o fato de que pessoas por todo o mundo descrevem experiências semelhantes, seres parecidos com o que descrevemos, sons e imagens que se assemelham muito umas com as outras. Uma ilusão coletiva? A prova irrefutável da existência dos Greys? Não sabemos. Só sabemos que já deu para perceber que o mais próximo da simpatia que esses seres podem chegar, é trocar sua perna por outra e ver “se funciona”. Então se eu ou você se deparar com um cinzento, o melhor é correr e fugir para as montanhas.

 

  • Zeta Reticule Greys - Provêem de Zeta Reticulan, próximo à estrela Barnard, nas vizinhanças do sistema estelar de Órion. São baixos, cinzas em cor e possui sistemas sexual e digestivo hipertrofiados. Eles são criados mediante um processo de clonagem da engenharia genética alienígena. Eles são uma raça antiga e vêm se reproduzindo a si mesmos há milhares de anos. Possuem poucas características faciais, grandes olhos, uma pequena boca e não possuem nariz. Os Zetas são um dos envolvidos nas mutilações de gado, eles absorvem certos nutrientes das partes mutiladas do gado para se alimentar, essas substâncias provêm de partes como lábios, nariz, genitais e reto além do sangue. Para absorver os nutrientes, eles utilizam peróxido de hidrogênio, que facilita a absorção dos nutrientes pela pele, assim como facilita a eliminação do que sobrou da digestão celular, também feita pela pele. Os Zetas já foram referidos como “pequenos homens verdes” porque eles tendem a ficar com a pele esverdeada quando não recebem comida o suficiente. Zetas não são os controladores de seu próprio destino, eles são subserviente à uma raça reptilínea. Os Zetas procuram liberdade para eles, e acreditam que possam conseguir isso na Terra, existem muitos que deserdam para trabalhar junto aos humanos a fim de conseguir essa liberdade, mas outros querem ser os mestres da Terra e controlar tudo aqui. Os Zetas dividem-se em duas classes sociais, uma como HAWKISH (Falcão, ave de rapina) e outra como DOVE-LIKE (parecido com pombo, não em aparência, mas em atitude/perigo), estes últimos são mais capazes de fazer negócios com os humanos, são uma espécie de embaixadores, a outra é mais guerreira, bruta. Logo a raça humana deve ter um confronto com os reptilians, que devem chegar numa espécie de asteróide, trazendo cerca de 30 milhões de reptilians, que irá parar próximo à Terra.

 

  • Bellatrax Greys - Os pequenos cinzas, são menores que os Zetas, e são de um sistema estelar próximo à constelação Órion, eles são extremamente pequenos (45,2cm aproximadamente). Os BELLATRAX GREYS e os ZETAS são parecidos geneticamente e provêem da mesma linha genética, exceto pela altura. São mestres em monitorar comportamento humano e funcionamento do nosso corpo, com implantes de pequenos equipamentos de rastreamento inseridos dentro de nossos corpos e também com um grande poder de controlar mentes. São altamente perigosos.

 

Zoomorphic (Zoomorfos) - são extraterrestres com formas de animais. Eles podem ter qualidades e características que pertencem a diferentes espécies combinadas. Existem vários relatos de casos de aparição desse tipo de ser, alguns têm formas de primata, outros são mistura de animais conhecidos como o Peixe Morcego. Esta categoria provavelmente inclui o famoso “Chupacabras”.
Os répteis, são também incluídos nessa classe. São seres altamente avançados mas negativos e hostis para com os seres humanos. Eles vivem em uma nave planetóide conduzida por eles e estariam procurando um novo planeta viver. Toda a espécie conhecida que pertence a classe Zoomorphic é perigosa. Se encontrar algum tipo de “animal” com características diferentes das conhecidas, corra!

 

  • Draco Mothmen ou como conhecido no Brasil Homem Mariposa (existe um post a respeito dessa criatura aqui no blog) - São alienígenas de habitat noturno, negros, olhos vermelhos e possuem asas que habilitam-lhes o vôo. Visitaram muito a Terra no passado. Alguns estudiosos dizem que eles são responsáveis diretos por muitas lendas do passado, relacionando eles aos Gárgulas, Valkírias e vampiros. Eles não gostam de atrair muita atenção para si mesmos. Nessa categoria podemos ter também os Chupacabras. Não são nada amistosos…

 

  • Anunnaki - Anunnaki significa “Aqueles que desceram dos céus” na língua suméria; para os hebreus eram Nefilim, Elohim e para os egípcios antigo, Neter. Descobertas arqueológicas e artefatos recolhidos nos últimos duzentos e cinqüenta anos são a base da teoria de que uma avançada civilização proveniente deNibiru – um planeta distante, mas do nosso próprio sistema solar – desembarcou na antiga Mesopotâmia a aproximadamente 450 mil anos atrás; eram os Anunnaki, alienígenas que colonizaram a Terra com o propósito de extrair grandes quantidades de ouro. Sua mão-de-obra foi arrebanhada entre os humanos primitivos, que foram manipulados geneticamente. Há 250 mil anos, o sistema de colonização alienígena começou a declinar em virtude da pouca produtividade e rebeliões dos escravos humanos, especialmente nas minas. Os Anunnaki decidiram então criar um novo ser para substituir os humanos primitivos. O geneticista Enki e o chefe de medicina Ninhursag, realizaram diversas experiências e criaram um híbridos usando material do homo-erectus, de animais e dos próprios Anunnaki. O resultado foi o homo-sapiens, que veio ao mundo para ser escravo! Como os primeiros homo-sapiens eram híbridos, não se reproduziam. Como precisavam de mais escravos e o tempo que dedicavam para criarem mais servos estava comprometendo os volumes de produções, realizaram novas experiências que permitiram a auto-procriação de suas criaturas. Quando os sapiens tornavam-se muito numerosos, parte deles era expulso das cidades Anunnaki e, assim, gradualmente espalharam-se pelo planeta. Mas as criaturas surpreenderam os criadores: eram belos e se desenvolviam muito bem. Algumas fêmeas começaram a servir de parceiras sexuais para os colonizadores. Essas uniões eram férteis, produziam prole. Mas isto era uma situação inaceitável para a elite dos Anunnaki que decidiram exterminar a população colonizada – a humanidade – provocando uma colossal inundação em época próxima à reentrada de Nibiru nas proximidades da órbita da terra. Esse dilúvio aconteceu há aproximadamente de 12 mil anos atrás. Muitos humanos foram salvos por Enki, que simpatizava com aqueles que ele mesmo havia criado. Por milhares de anos, homens e mulheres foram escravos e soldados.Os Anunnaki usavam seus servos nas guerras que travaram entre si, na construção de palácios e cidades, em instalações astronômicas localizadas em todos os continentes. Eles ocuparam não somente a Mesopotâmia, como também o Egito, a Índia, as Américas. Por isso os sinais de sua presença são encontrados em praticamente todo o mundo. Seis mil anos depois do dilúvio, os Anunnaki que aqui permaneceram resolveram que era hora de deixar o planeta e, gradualmente, conduziram a raça humana à independência, introduzindo um sistema sociopolítico fortemente hierarquizado. Linhagens de reis foram estabelecidas, possivelmente considerando a descendência direta dos próprios Anunnaki: eram os “Iniciados”, versados em ciências como matemática e astronomia, conhecedores de técnicas de medicina, arquitetura e engenharia. Dinastias cuja continuidade era feita por meio “colégios” – os “colégios dos mistérios”. Desde então, nunca mais foram vistos por essas bandas!

 

  • Sirianos - Do contato com diversos extraterrestres, os Sirianos são os mais constantes em enviar-nos mensagens. Tem a aparência física muito parecida com a nossa. As principais diferenças é que os Sirianos tendem a ser mais altos que nós, com cérebros maiores e mais desenvolvidos e vivem muito mais tempo. Na verdade, o cérebro Siriano tem um outro lobo acima do frontal, muito semelhante ao que as baleias e os golfinhos tem. Ele lhes permite ter visão estereoscopia: eles podem ver dentro de um objeto bem como do lado externo e do lado oposto em terceira dimensão. Também tem enormes capacidades telepáticas e psíquicas. Existem Sirianos bons e Sirianos maus, igual a nós terráqueos!

 

  • Plêiades - Das raças encontradas até hoje, esta é a única que merece confiança total dos humanos. Eles possuem grande desenvolvimento espiritual, são altos e possuem longos cabelos dourados, são
    aliados à Confederação Galática Espacial. Contaram que diversos governos da Terra estão trabalhando com os Zeta Reticuli. Alguns Plêiades são subserviente aos Zetas, pois estes costumam abduzir as crianças Plêiades e treiná-las como servos. Uma espécie de lei espacial, proíbe-os de interferir nos grandes acontecimentos da Terra, mas caso aconteça por exemplo uma guerra atômica, e esta atinja grandes dimensões, eles irão interferir, mas não acabar com a guerra, apenas diminuirão as conseqüências.

 

Fonte de pesquisas : Discovery Channel, History Channel, Fraternidade Branca, OVNIS Ultima Hora, Saindo da Matrix, Wikipédia

Por SundekSP para Aliens na Terra

Desde que o homem existe, olhamos a lua no céu com grande encantamento, um certo misto de espanto supersticioso e deslumbramento. Muitos atribuem à lua romantismo, outros a utilizam como uma espécie de calendário para pescas e alguns a observam com diversas dúvidas e desconfianças. Em 21 de julho de 1969, quando os EUA anunciaram que Neil Amstrong acabara de dar o histórico passo na superfície do nosso satélite, parecia que a raça humana tinha conquistado seu primeiro território no espaço e que muitos enigmas seriam desvendados. Entretanto, 42 anos depois, as diversas dúvidas continuaram e muitas outras surgiram. Alguns grupos de estudiosos garantem que o homem não pisou na lua em 1969, outros tentam provar que algo existe em seu lado oculto. O fato é que com o passar do tempo e algumas descobertas realizadas, a Lua ainda hoje desafia a ciência.

Dividiremos essa matéria em e partes: Lendas do Satélite, Aliens na Lua, O Lado Oculto, Teorias Conspiratórias e Novos Projetos.

 

  • Lendas do Satélite

- A Era Pré-Lunar –> Textos antigos, encontrados na Europa e na América do Sul, falam de povos que viveram na Terra em um tempo em a Lua não existia. Na Grécia, esse tempo é denominado “Procelene” ou seja, “Antes da Lua”. Na América do Sul, símbolos descobertos na parede do Pátio de Kalasasaya, próximo à cidade de Tiahuanaco (Bolívia), registram a primeira aparição da Lua há 12 mil anos atrás. O surgimento do “novo” astro teria causado um grande desequilíbrio geológico provocando terremotos, inundações e mudanças climáticas. A idéia de um mundo sem Lua sobrevive na tradição oral dos nativos de Bogotá e a leste das cordilheiras da Colômbia porém as contradições tornam confusa essa história: em época mais recuada, há 23 mil anos, no Paleolítico, o conhecimento das fases da Lua já existia.

- Folclore ufológico –> tem sua própria versão dos fatos relatado no livro De onde viemos, do russo Wladmir Pollansk Miranovav de 1957: uma raça de reptilianos viajando pelo espaço à bordo de um planetóide chegou nas proximidades da Terra. Esse planetóide foi “plantado” na órbita terrestre há milhares ou talvez milhões de anos atrás. Começou, então, o movimento migratório dos alienígenas que, aos poucos se instalaram completamente na Terra. A “nave-planetóide” foi abandonada e hoje é conhecido como Lua!

- O farol lunar –> No começo do século XV, muitos estudiosos observaram um brilho inexplicável na superfície lunar. É uma luminosidade especialmente notável durante os eclipses. As vezes aparece como raios bem distintos; outras vezes, crateras inteiras parecem estar iluminadas ao longe. Esses brilhos ficaram conhecidos como farol lunar. Nos tempos atuais, algumas fotografias apareceram dizendo ser o tal fenômeno, mas sempre desqualificadas por especialistas. O fato é que não existem provas concretas desses tais brilhos.

- Apollo XI – Algumas lendas surgiram na tão comentada missão Apollo XI, liderada por Amstrong. Uma que circula fortemente até hoje é a de uma possível conversa entre o comando da nave e o controle da missão na Terra. Apenas um já reformado oficial da NASA, Christopher Kraft, que chegou a ser diretor da agencia em Houston, confirmou a conversa:

APOLLO XI: Aquelas coisas são gigantes… Não, não é uma ilusão de ótica. Ninguém vai acreditar nisso.
CONTROLE DA MISSÃO (HOUSTON CENTER): O quê? … Que diabo está acontecendo? O que há de errado com você?
APOLLO XI: Eles estão aqui…
CONTROLE DA MISSÃO: O quê está lá? Transmissão interrompida… interferência… Controle chamando Apollo XI.
APOLLO XI: Nós vimos alguns visitantes; eles estiveram observando os instrumentos.
CONTROLE DA MISSÃO: Repita sua última informação.
APOLLO XI: Eu disse que existem outras naves espaciais. Estão alinhados no outro lado da cratera.
CONTROLE DA MISSÃO: Repita, Repita!
APOLLO XI: …automatic relay conectado… Minhas mãos estão tremendo. Eu não consigo fazer nada. Filmo isso? Deus! Se essas câmeras malditas registrarem qualquer coisa… E então?
CONTROLE DA MISSÃO: Você conseguiu registrar alguma coisa?
APOLLO XI: Eu não tinha um filme (virgem) na mão… Fiz fotografias dos discos (naves) ou que quer que seja estão no filme.

 

  • Aliens na Lua

A idéia de Aliens na Lua pode soar como fantasiosa mas é inegável que as missões Apollo  serviram para mostrar que o conhecimento da ciência “oficial” sobre a Lua está longe de ser completo ou satisfatório. Há significativos fatos que permitem a suposição de que a Lua não é um corpo celeste natural. Poderia ser uma “construção” de seres inteligentes ou uma gigantesca base de operações criada por extraterrestres

Hoje em dia, com diversas aparições de objetos sobrevoando próximos a lua, começa a criar força a teoria daqueles que acreditam ser a lua uma base para alienígenas. Recentemente (junho/11) a NASA liberou uma ultima foto do nosso Satélite feita pela Estação Espacial. Após a divulgação, desligou a câmera que ficava mostrando ao vivo para a TV NASA a Lua, dizendo estar fazendo manutenção no equipamento.

Fotos da Lua liberadas pela NASA

Com o desligamento da visão da Lua na Estação Espacial e com a polêmica criada na foto acima, muitos estudiosos amadores começaram a se interessar em fazer imagens do nosso satélite. Com isso diversos vídeos apareceram na internet e, em um deles gerou bastante barulho:

 

Imagens capturadas do vídeo acima

Já possuímos no blog uma matéria específica sobre esse avistamento. Clique aqui para ler a matéria.

 

  • O Lado Oculto

A Lua é único satélite de planeta do sistema solar que tem uma órbita quase que perfeitamente circular. Ao longo das Eras, a força gravitacional da Terra tem provocado retardamento na rotação lunar (movimento da lua em torno de seu próprio eixo) de modo que o período rotacional lunar emparelha-se, com o período rotacional terreno. Trazendo para o popular, existe um hemisfério da Lua que nunca é visto da Terra. Esse hemisfério é a chamada “face oculta” ou “the dark side of the moon” (o lado escuro da Lua).

Em teoria, este hemisfério poderia facilmente abrigar uma base alienígena porque além de não ser visível para os terráqueos ali, os sinais de rádio são bloqueados ou não podem ser rastreados pela tecnologia dos instrumentos captadores utilizados pelos humanos. Por causa dessa órbita, tão peculiar, especula-se que todo o satélite pode ser um engenho artificial instalado por uma raça de extraterrestres que vêm monitorando a vida na Terra desde o surgimento dos primeiros organismos unicelulares.

Ilustração esquemática oficial da estrutura interna da Lua.

Outro fato estranho é que a Lua parece ser oca. Como satélite natural da Terra, a Lua sempre foi considerada como uma esfera homogênea que surge nos cosmos em tempo simultâneo ao surgimento da Terra. Entretanto, há vários indícios de que a Lua é mais velha, como nas amostras de rochas lunares. Foram analisadas e revelaram ser bilhões de anos mais antigas que as rochas terrestres. Só esse fato desafia totalmente a lógica daqueles que, durante décadas defenderam a teoria de que a Lua era um fragmento que se desprendeu da Terra durante o processo de formação do planeta.

As suposições de que o interior da Lua é oco começaram a ser levantadas antes da primeira visita dos astronautas ao satélite.  Em 1962, o cientista da NASA dr. Gordon MacDonald, revendo as informações sobre a densidade da Terra e comparando com a densidade da Lua, que é muito inferior, concluiu  que tal diferença somente seria justificada se a Lua fosse oca. A baixa densidade não era compatível com uma esfera homogênea. Idéia semelhante foi defendida pelo dr. Harold Urey, detentor de um prêmio Nobel; ele sugere que a Lua contém uma cavidade. A mesma opinião foi endossada pelo dr. Sean C. Salomon, do MIT que declarou: “…a Lua pode ser oca.”

Carl Segan, em sua obra Inteligent Life in the Universe escreve: “Um satélite natural não pode ser um objeto oco. Se isso é verdade e a Lua for realmente oca significa que existe alguma coisa muito estranha sobre o nosso satélite”. A experiência das missões espaciais da NASA também sugerem que a Lua é oca.

Quando as equipes da Apollo XII e Apollo XIII lançaram módulos na superfície lunar, descobriram que o impacto havia provocado abalos sísmicos. O pouso da Apollo XII causou uma reverberação semelhante ao barulho de um sino que durou cerca de uma hora. O fenômeno se repetiu com a Apollo XIII, que produziu uma reverberação durante três horas e vinte minutos alcançando uma profundidade de 25 milhas. A análise dessas informações leva à conclusão de que a Lua não possui substância densa em seu interior; se a Lua é realmente artificial, ela deve ter sido “colocada” naquele lugar em algum momento da história da Terra.

 

  • Teorias Conspiratórias

Lançamento Apollo 11

A principal delas é a de que o homem ainda não pisou na Lua e, se pisou não foi em 1969 e a verdade não foi revelada.

- História oficial e o vídeo da chegada do homem a lua em 1969

 

A verdade é que o homem já foi a lua em seis diferentes missões, mas o primeiro ser vivo a pisar na lua não foi um homem, mas sim um cadela russa chamada Laika em 3 de novembro de 1957 a bordo da nave espacial Sputnik II.

A corrida do homem para chegar a lua ganhou bastante força (e investimentos) com a disputa da antiga União Soviética e os EUA, conhecido como Guerra Espacial, no auge da Guerra Fria. Em 1961 o então presidente americano John F. Kennedy fez um discurso que ficou famoso onde dizia que iria enviar homens a lua antes que aquela década acabasse. A partir de então, os EUA colocaram em marcha um ambicioso programa espacial tripulado que iniciou com o Projeto Mercury, que usava uma cápsula com capacidade para um astronauta em manobras em órbita terrestre, seguido pelo Projeto Gemini com capacidade para dois astronautas, e finalmente o Projeto Apollo, cuja espaçonave tinha capacidade de levar três astronautas e pousar na Lua. Os primeiros astronautas a circum-navegar a Lua foram os tripulantes da Apollo 8, Frank Borman, James A. Lovell, Jr. e William A. Anders, na noite de Natal de 1968.

A missão Apollo 11 pousou na superfície lunar em 20 de Julho de 1969, em um local chamado “Sea of Tranquility” (Mar da Tranquilidade). Neil Armstrong e Edwin Aldrin tornaram-se os primeiros homens a caminhar no solo lunar.

Depois da Apollo 11, outras seis missões Apollo foram lançadas, sendo que cinco delas pousaram na Lua (no total de doze astronautas que caminharam na Lua).

Ficou famosa a frase do primeiro astronauta a pisar na Lua, Neil Armstrong: “Um pequeno passo para um homem, um salto gigante para a humanidade”.

Os astronautas da Apollo 11 colocaram uma placa na Lua, onde se lê: Here Men From Planet Earth First Set Foot Upon The Moon. July 1969 A.D. We Came In Peace For All Mankind. (Aqui os homens do planeta Terra pisaram pela primeira vez na Lua. Julho de 1969. Viemos em paz, em nome de toda a humanidade).

A grande verdade é que toda essa história descrita acima não conseguiu convencer a todos. Muitos acreditam que tudo isso foi criado para dar uma resposta final a antiga União Soviética e mostrar quem era a verdadeira potencia mundial.

Abaixo uma matéria em 5 partes (com legenda em português) muito interessante do canal do Youtube    que diz ter gravado do canal FOX onde mostram o quanto impossível era ir a lua em 1969 e também as “falhas técnicas” da possível superprodução criada pelos EUA para comprovar o fato. Vale a pena assistir ao vídeo até o final. Todas as imagens analisadas no vídeo são oficiais da NASA:

 

 

 

 

 

Aqui uma matéria do Jornal da Globo, programa da Rede Globo que foi ao ar no dia 16 de julho de 2009 falando a respeito da NASA ter perdido quase todas as imagens das viagens a lua. Interessante também:

 

 

  • Novos Projetos

Com o fim da era dos ônibus espaciais – programa norte-americano custeado pelo Governo dos E.U.A – empresas particulares investem alto em novas tecnologias, visando o faturamento com as viagens.

A SpaceX, empresa pioneira no início dessa nova era, mostra resultados rápidos e satisfatórios, como  no desenvolvimento da nave Dragon, capaz de transportar astronautas e carga à Estação Espacial Internacional. Clique aqui e veja o vídeo onde mostra a Dragon sendo lançada a bordo de um foguete Falcon.

Segundo estimativas, com pesquisas sob responsabilidade de empresas particulares, o avanço em tecnologias espaciais deve ser mais acelerado do que o vivido nas últimas décadas, passando a ser de responsabilidade de tais instituições o transporte de carga e astronautas para o espaço

Enquanto isso, o governo dos EUA se prepararam para o que parece ser uma investida audaciosa para levar astronautas à Lua até 2020 e lá construir uma base lunar (veja vídeo aqui), e para ir a distâncias maiores – Marte por exemplo – até 2030, com a consrução do super foguete SLS.

Além da construção de novos foguetes, o futuro espacial conta também com uma cápsula e até o protótipo do que deverão ser casas fixas na Lua

 

Os fatos estão todos aí. Tirem suas conclusões…

Fontes de pesquisa: NASA, Sobrenatural, ETS e OVNIS, Youtube, Wikipedia, UFO International

Por Aliens na Terra

Foto capturada do Telescópio

 

Chega uma hora em que não mais aguentamos um determinado assunto… o da moda é sobre os cometas que passaram, passam ou irão passar próximos a Terra. Mas se você imaginou que essa moda também ia passar com o fim do passeio do cometa Elenin, enganou-se! Vem aí o Cometa C/2011 L4 Panstarss, descoberto em 5 de julho de 2011 pela equipe do telescópio Panstarrs-1 de 1800 milimetros, localizado no Havaí.

Esse Cometa, garantem os descobridores, poderemos ver a olho nu! Será a diversão de várias noites futuras.

Quando foi descoberto, C/2011 L4 Panstarrs se localizava muito além da órbita de Júpiter, a 1.4 bilhões de km do Sol. Seu brilho foi calculado em 18.5 magnitudes, cerca de 100 mil vezes mais fraco que o limite de detecção da visão humana.
As primeiras observações mostram que o cometa tem uma órbita altamente inclinada e em março de 2013 já poderá ser visto no quadrante oeste logo após o ocaso, mas os últimos raios solares deverão interferir na observação. Estimativas conservadoras mostram que C/2011 L4 Panstarrs deverá atingir a magnitude 1, similar à de muitas estrelas visíveis no céu noturno. De acordo com o Laboratório de Propulsão a jato da Nasa, JPL, o brilho poderá ser ainda maior, com magnitude negativa de meio ponto.
A órbita de C/2011 L4 Panstarrs foi determinada pela primeira vez em 8 de junho de 2011 (2 dias após sua descoberta), depois que o astrônomo G. V. Williams analisou 34 posições do objeto registradas pela poderosa câmera de 1.4 gigapixels anexada ao Panstarrs-1. Inicialmente, a única estimativa foi sobre os valores do periélio em 2013, mas revisões posteriores já mostravam uma órbita bastante peculiar, apontando para a possibilidade de um cometa bastante brilhante.
No momento, C/2011 L4 Panstarrs se encontra a 1.2 bilhões de km do Sol e em março de 2013 atingirá o periélio, quando a menor distância até a estrela será de apenas 45 milhões de quilômetros, já inserido dentro da órbita de Mercúrio. É esperar e conferir!

Fonte da pesquisa: Apolo11.com

Por Aliens na Terra.

Ultimamente a NASA não está liberando mais vídeos com gravações da Lua. Inclusive fizeram uma alteração na programação da TV NASA desligando a câmera que filmava o lado voltado a Terra do nosso satélite natural e deixando somente a visão da Base Espacial. Acreditamos que um dos motivos para essa “censura” é de que em muitos dos vídeos apresentados, apareciam diversos objetos muito próximos a Lua.

As ultimas imagens liberadas da câmera instalada na Base Espacial ocorreram em junho de 2011 e não vieram em forma de filme, mas em algumas fotos que, levemente ampliadas, nos mostram um objeto triangular sobrevoando a superfície lunar. Confira abaixo:

Fotos da Lua liberadas pela NASA

Podemos ver espalhados pela internet diversos vídeos amadores com foco na Lua, pois tem chamado a atenção os muitos objetos presentes nas filmagens e fotos oficiais. Abaixo selecionamos um desses vídeos, filmado em 12 de outubro de 2011 no Canada e o postamos em duas versões (original e com detalhes em zoom e câmera lenta)  com os depoimentos completos que recebemos do responsável pelas filmagens, após entrarmos em contato.

 

Vídeo 1 –> Filmagem Original.

Depoimento: “Fiz o vídeo em noite de lua cheia, pois achei que ficaria registrado uma linda imagem. No momento da filmagem não reparei em nada estranho, mas quando eu vi o vídeo mais tarde, eu encontrei três objetos que se moviam sobre a lua. Não tenho certeza de que sejam UFOs. Enviei o vídeo o NASA e eles me disseram que as áreas em que os objetos aparecem não passam de reflexo da luz do sol nas bordas. Não acho que faça sentido. A NASA está escondendo alguma coisa?”

Imagem capturada do Video 1 com Zoom

Vídeo 2 –> Vídeo modificado.

Depoimento: “Eu filmei este vídeo em 12/10/2011 eu tenho tentado melhorar a qualidade de imagem fazendo o melhor possível. Aumentei o zoom e incluí câmera lenta para que você possa ter uma visão melhor dos UFOs. Vale o registro de que quando eu assistia a este vídeo, percebi que os objetos têm uma forma triangular.”

Imagem capturada do video 2

O que será que nos esconde a Lua? Em ambos os vídeos, os objetos aparecem voando seguindo o sentido do lado oculto para o seu lado visível na Terra. Será que nos observam de tão perto assim? Infelizmente não temos essa resposta…