Posts com Tag ‘reportagem’

Nós já vimos no início deste ano, e veremos agora novamente: Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno ficarão alinhados por alguns dias antes de cada um deles tomar o seu caminho no céu.

A partir desta semana, e durante mais algumas, os cinco planetas poderão vistos a olho nu durante o pôr do sol – no fim de janeiro e início de fevereiro, eles podiam ser avistados apenas ao amanhecer.

Isso só será possível, segundo David Dickinson, do site de astronomia Universe Today, porque antes tínhamos todos os planetas à nossa frente.

“Agora, os vemos do nosso ‘espelho retrovisor’ porque Marte, Júpiter e Saturno estão na frente, enquanto Mercúrio e Vênus estão correndo para recuperar o atraso”, escreveu Dickinson.

Se você estiver em um espaço aberto sem nuvens, a partir desta quarta-feira poderá ver os cinco planetas vizinhos ao sudoeste da Terra.

Brilho e cor

Para identificar os planetas, preste atenção nas sutis diferenças que você verá no céu. Venus é o mais brilhante de todos, e Júpiter é o próximo na luminosidade. Ambos ainda são visíveis quando o sol está prestes a se esconder.

Marte, por sua vez, é avermelhado e Saturno, amarelado. Ambos brilham com intensidade semelhante.

Encontrar Mercúrio é sempre o maior desafio porque é o menor planeta e pode se esconder facilmente.

O truque do polegar

O astrônomo Jason Kendall, professor adjunto da Universidade William Paterson, em Nova Jersey, nos Estados Unidos, publicou em seu canal do YouTube um exercício prático para saber se o que você está vendo é um planeta ou uma estrela.

“Feche um dos olhos. Estique o braço e coloque o seu dedo polegar para cima. Lentamente, passe-o de um lado para o outro do planeta ou estrela que você vê no céu. Se a luz se atenuar quando o polegar passar sobre ele, é um planeta. Mas se ela piscar rapidamente é uma estrela”, disse.

O truque funciona melhor com Júpiter e Vênus, afirma o astrônomo, porque eles são mais brilhantes.

De qualquer forma, o que precisa ficar claro caso você decida “ir à caça” é que esses planetas são corpos celestes mais brilhantes vistos daqui da Terra – depois do Sol e da Lua, é claro.

Os cinco planetas não voltarão a se alinhar até 8 de setembro de 2040, quando estarão a 9,3 graus no céu.

BBCBrasil.com BBC BRASIL.com – Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita da BBC BRASIL.com.

Anúncios
Jason Palmer para Portal Terra

Há décadas mandamos sinais, deliberados ou acidentais, ao espaço, além de procurar por emissões de sinais por alienígenas. Mas qual seria o plano caso um dia ouvíssemos alguma coisa? Se isso acontecer, é mais provável que os cientistas da Seti (sigla em inglês para Search for Extra-Terrestrial Intelligence, ou Busca por Inteligência Extraterrestre) percebam primeiro os sinais.

Este grupo de cerca de 20 cientistas pelo mundo monitoram constantemente o universo na esperança de captar (mais…)

Cientistas listam quatro novas descobertas sobre o universo

Publicado: 17 de janeiro de 2012 por sundeksp em Reportagens
Tags:, ,

A verdadeira cor da Via Láctea, exoplanetas, um observatório voador e a matéria escura estão entre as últimas descobertas da astronomia. No último congresso da Sociedade Astronômica Americana, realizado em Austin, nos Estados Unidos, de 8 a 12 de janeiro, especialistas de todo o mundo apresentaram os últimos desenvolvimentos no estudo do cosmos. (mais…)

A Via Láctea tem pelo menos 100 bilhões de planetas, revelou um censo planetário realizado por uma equipe de astrônomos e divulgado nesta quarta-feira durante a reunião anual da Sociedade Astronômica Americana.

Os resultados se baseiam em observações realizadas durante seis anos em colaboração com o programa Planet (Probing Lensing Anomalies NETwork), uma rede de telescópios que registram medidas fotométricas das estrelas.

Os cientistas chegaram a este número graças à técnica de microlentes gravitacionais, que pode ser utilizada para (mais…)

Descobertos novos planetas que orbitam ao redor de 2 sóis

Publicado: 12 de janeiro de 2012 por sundeksp em Reportagens
Tags:, ,

Uma equipe de astrônomos encontrou dois novos planetas que orbitam ao redor de dois sóis, um fenômeno que foi observado pela primeira vez na história em setembro do ano passado e que consolida a suspeita de que existem milhões deles na galáxia.

A Universidade da Flórida anunciou nesta quarta-feira a descoberta, da qual participaram alguns de seus astrônomos e (mais…)

China e Índia irão construir maior telescópio do mundo

Publicado: 12 de janeiro de 2012 por sundeksp em Reportagens
Tags:, , ,

A China e a Índia firmaram um acordo para construir um telescópio gigante, que será o maior do mundo em 2018. Ele ficará no topo do vulcão de Mauna Kea, no Havaí.

Esta é a primeira vez que as nações asiáticas se aliam para construir um telescópio, que ajudará os astrônomos em pesquisas sobre a origem do universo, por exemplo. O Thirty Meter Telescope (TMT) será tão poderoso que permitirá (mais…)

Hubble detectou imagens inéditas dos resquícios de explosão estelar

Astrônomos da agência espacial americana, a Nasa, e da Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) afirmam ter resolvido um mistério de longa data com um tipo de estrela que deu origem a uma supernova observada em uma galáxia próxima. Usando o telescópio espacial Hubble, eles conseguiram novos dados do que sobrou da explosão estelar (que parece uma bolha de sabão) para identificar um dos vários cenários que provocam tais explosões.

Com base em observações anteriores de telescópios terrestres, os astrônomos sabiam que a classe dessa supernova, chamada de tipo (mais…)

Aglomerado de galáxias é apelidado de “El Gordo”

Publicado: 10 de janeiro de 2012 por sundeksp em Reportagens
Tags:, ,

Um aglomerado de galáxias jovem extremamente quente e de elevada massa  – o maior já detectado no Universo longínquo – recebeu o simpático apelido de “El Gordo”, em referência a seu tamanho.

Ele foi estudado por uma equipe internacional de astrônomos que utilizou o Very Large Telescope (VLT) do ESO (Observatório Europeu do Sul), instalado no deserto do Atacama no Chile, juntamente com o Observatório de raios-X (mais…)

Astrônomos internacionais anunciaram, nesta segunda-feira, a criação do maior mapa da matéria escura feito até o momento no universo, usando dados de telescópios potentes que escanearam 10 milhões de galáxias.Acredita-se que a misteriosa substância represente aproximadamente um quarto do universo, mas sua natureza é um enigma, pois só pode ser detectada de forma indireta através da atração gravitacional que exerce sobre a matéria visível. (mais…)

Rússia: fracassos espaciais podem ter “causas externas”

Publicado: 10 de janeiro de 2012 por sundeksp em Reportagens
Tags:, ,

O chefe da agência espacial russa Roscosmos, Vladimir Popovkin, não descarta que os últimos fracassos da Rússia no setor aeroespacial tenham “causas externas”, detalha nesta terça-feira o jornal russo Izvestia. “Não gostaríamos de culpar ninguém, mas hoje em dia existem meios muito eficazes para atingir alvos espaciais, e não se descarta que estes meios estejam sendo utilizados”, declarou Popovkin. (mais…)